De acordo com a Gartner, nos próximos cinco anos, augmented analytics será a tendência mais importante em Business Intelligence. Hope Cycle para a Digital Workplace 2018 diz, que o futuro da próxima geração de data analytics testemunhará uma grande adoção de augmented analytics.

A quantidade de dados é cada vez maior e por isso, torna a análise de dados um componente imperativo para o desenvolvimento dos negócios. A expressão “smart data discovery” foi apresentado formalmente em 2017 e está a ser um grande diferenciador para as empresas que conseguem retirar insights e assim garante vantagem competitiva porque permanece sempre atualizado de todas as alterações do negócio.

Gartner define Augmented Analytics como “Uma abordagem que automatiza o processo para obter insights ao usar Machine Learning e Natural Language Generation.” Alguns chamam the Smart Data Discovery que é, a fusão entre o Business Intelligence e a Artificial Intelligence para automatizar o processo de encontrar, preparar, analisar os dados e gerar insights. O processo tradicional que consiste em converter dados brutos em insights é basicamente um processo demorado e com vários procedimentos.

 

Exemplo de Augmented Analytics com Qlik Sense: